Dicas > Atividades para aumentar a energia

Com essa loucura do dia a dia, até mesmo a mais bem disposta das pessoas, às vezes, sente o pique baixar. Para que isso não aconteça com tanta frequência, a nutróloga Tamara Mazaracki, membro da Associação Brasileira de Nutrologia, ensina cinco atitudes que devem ser incorporadas à sua rotina para que o seu nível de energia esteja sempre nas alturas:

1. Pratique uma atividade física

“Se possível, faça isso pela manhã, pois os exercícios produzem endorfinas, neurotransmissores que ajudam a manter o pique e a produtividade durante todo o dia”, justifica a médica, que aconselha ainda fazer atividades diferentes, como ioga, pilates, caminhada ou dança, para quebrar a rotina. “Procure também se alongar e respirar profundamente em vários momentos do dia e, se puder, dê uma caminhada no bairro onde mora ou trabalha para mudar de cenário. É animador”, diz Tamara Mazaracki.

2. Durma bem

“O corpo precisa de sete a oito horas diárias de sono para se sentir descansado. É por isso que, quando você dorme pouco, parece que falta energia no fim do dia”, esclarece a médica. Para uma noite reparadora, ela recomenda dormir e acordar sempre no mesmo horário e, se estiver muito cansada, dar uma cochilada de meia hora na parte da tarde. “Um pequeno cochilo dá um ‘reset’ nas funções mentais, fazendo a energia aumentar”, comenta Tamara Mazaracki.

3. Tenha atitudes positivas

Quando a autoestima está em alta, a energia para fazer as atividades aumenta na mesma proporção. “Para isso, vale ouvir uma boa música, tomar um banho relaxante, caprichar no visual, usar roupas alegres e até mudar o corte de cabelo”, sugere a médica.

4. Adote uma dieta equilibrada

Saem doces, refrigerantes, pão refinado e batata e entram frutas, verduras, pães e biscoitos integrais e carnes magras. “Procure também reduzir o tamanho das porções e comer a cada três ou quatro horas para manter o organismo bem nutrido e livre da compulsão alimentar”, diz Tamara Mazaracki.

5. Controle o estresse

Já que não dá para evitá-lo, é importante compensar a tensão de outra forma. Aqui, vale marcar um encontro com os amigos, fazer uma viagem curta, matricular-se num curso de história da arte ou dança, por exemplo, ler bons livros, ir ao cinema e ter um hobby.



Fonte: http://www.atmosferafeminina.com.br

« Voltar